Muitos problemas? Faça uma limonada!

O sonho da independência financeira e de ter o próprio negócio pode se transformar em uma fábrica de limões. Entenda, aqui, limão como um punhado de problemas que precisa ser resolvido diariamente.

Dependendo de como o leitor pode estar entendendo a situação, parece o pior dos mundos. Mas não se trata de um artigo pessimista. Trata-se de compreender a realidade nua e crua: problemas fazem parte de todos os empreendimentos, sem exceção. Quanto mais evolui uma empresa, maior a complexidade dos problemas. Desanimado? A forma como os problemas são encarados faz toda a diferença.

O líder empreendedor eficaz sabe fazer do limão uma boa limonada! Para ele, problemas não são problemas mas apenas uma boa alavanca para impulsionar a sua empresa.

A queixa de um cliente pode ser considerada um grande problema mas, para o líder empreendedor, trata-se de uma grande oportunidade de aprimoramento dos produtos e serviços, de conquistar os clientes queixosos e fidelizar outros que não externaram suas queixas.

O baixo comprometimento de um funcionário pode ser considerado um problema mas não para um líder empreendedor. Diante dessa tensão, o líder empreendedor vê uma excelente oportunidade de compatibilizar os objetivos do negócio com os objetivos pessoais do funcionário.

O conflito entre os membros de uma equipe pode ser considerado um grande problema. Não para o líder empreendedor que vê no conflito a oportunidade de tornar comuns os objetivos e compartilhar valores e condutas. Para ele, uma situação de conflito é uma excelente ocasião de fortalecer o elo entre todos os membros e aguçar ainda mais o espírito de equipe.

É claro que a perda de um cliente pode ser um grande problema mas deve ser encarada como repetir o ano na escola. Em vez de mergulhar em lamúrias, o líder empreendedor aceita como desafio estudar mais, compreender melhor o cliente, preparar-se melhor para manter os atuais e conquistar novos clientes.

É claro que um prejuízo financeiro não é desejável, mas até aí o líder empreendedor sabe fazer do limão uma limonada. Aproveita o problema para rever junto à equipe a estrutura de custos, a composição dos preços e as alternativas para buscar uma situação de lucratividade.

O líder empreendedor sabe também que um problema não se resolve em compasso de espera. Exige decisão e ação!

O líder empreendedor também sabe distinguir com muita clareza pessoas de problemas. Reconhece que ser duro com as pessoas não resolve os problemas. Em vez disso, prefere ser implacável com os problemas, no sentido de exterminá-los. Por isso, transforma os problemas em recursos de aprendizagem para que as pessoas ampliem suas competências.

É claro que diante dessas posturas existe muito otimismo e fé. O líder empreendedor prevê e espera o melhor, pensa em possibilidades e não em probabilidades. Provavelmente, tudo dará errado mas, possivelmente, tudo pode dar certo.

As pessoas de comportamentos mais reativistas acreditam que “os problemas não têm solução”, que nada adianta fazer porque “o tempo dará conta de resolvê-los” e que ainda “o que não tem solução, solucionado está”.

O mundo dos negócios e das empresas caminha em alta velocidade. A busca da competitividade revoluciona a cada dia os modelos de liderança e de obtenção de resultados. Acreditar que o tempo dará conta por si só de resolver problemas é o mesmo que caminhar para trás, ir contra a rotação normal no sentido de um futuro melhor.

Uma das maiores riquezas do ser humano consiste na capacidade de pensar e de criar. Muitas pessoas acham que a criatividade é um dom raro com que poucas pessoas foram abençoadas ao nascer, o que seria o mesmo que acreditar que o nosso Criador tivesse sido tendencioso ao escolher pessoas. A verdade é que, na sua benevolência, o Criador proporcionou potencial criativo para todas as pessoas. E também a genial capacidade de fazer dos muitos limões deliciosas limonadas.

Envie seu comentário

Seu e-mail não será divulgado. Campos obrigatórios*