Manifesto 6:Eu desejo que as riquezas geradas sejam investidas em prol da comunidade.

A comunidade tem duas leis que promovem e sustentam a vida de seus agentes, da mesma forma que a lei da gravidade promove o equilíbrio e sustenta a vida no planeta e a lei da oferta e demanda promove o equilíbrio e sustenta a vida no mercado.

A primeira é a “lei dos seis graus de separação”. Ela define que todas as pessoas estão distantes, cada uma das outras, por “seis graus de separação”, em média. Ou seja: somos capazes de nos conectar com qualquer pessoa do planeta em até seis graus de distância dela. Parece incrível, mas a lei funciona, à semelhança daquelas que promovem o equilíbrio do planeta e do mercado.

A segunda é a “lei dos três graus de influência”. Tudo o que fazemos ou dizemos tende a reverberar por nossa rede, exercendo um impacto sobre os nossos amigos (um grau), os amigos dos nossos amigos (dois graus) e mesmo os amigos dos amigos de nossos amigos (três graus).

 

Para exemplificar: se você é uma pessoa íntegra e compassiva, seus amigos tendem a ser também íntegros e compassivos. Não é difícil de compreender, uma vez que exercemos influência mútua. A magia acontece quando amigos dos seus amigos também são influenciados por você, embora desconhecidos ou mesmo ligeiramente conhecidos. O milagre se dá no terceiro grau de influência, ou seja, amigos dos amigos de seus amigos, gente que você nunca viu na vida e talvez jamais encontre, também recebem sua influência. Assim, muito mais do que supomos, podemos fazer com que pessoas rompam seus bloqueios e superem suas limitações. Nossas conexões e ingerências ou inspirações positivas não se restringem ao nosso círculo de conhecidos.

 

É certo que a mesma coisa vale também no sentido inverso, ou seja, na geração de antirriquezas. Uma comunidade pode ser influenciada a ser mais obesa, usuária de drogas e praticante de homicídios. E suma: todos nós, acredite! sem nenhuma exceção – possuímos amplos poderes de transformar o mundo, para melhor ou para pior!

 

Eu desejo uma Nova Economia!

 

Todas as formas de riquezas podem ser compartilhadas. A ternura e o afeto, como riquezas emocionais; as informações e os conhecimentos, como riquezas intelectuais; os significados, como riquezas mentais; a plenitude e a alegria, como riquezas espirituais; o dinheiro, como riqueza material. Os laços que nos unem mostram que a comunidade é maior do que a soma das partes.

 

Eu desejo que as riquezas geradas sejam investidas em prol da comunidade. Para o bem de todos e de cada um.

Envie seu comentário

Seu e-mail não será divulgado. Campos obrigatórios*